Alugue o AMO

No Acampamento Monte das Oliveiras você conta com 11 Chalés/alojamentos em áreas distintas. Apropriados para retiros religiosos, e com o total de 180 leitos. Uma Capela/auditório com capacidade para 180 pessoas junto com amplo refeitório. Cozinha ampla e industrial com todos os utensílios necessários. Ao lado, uma área com forno e churrasqueira. Campo de futebol, quadra de futebol e basquete e quadra de vôlei. Um lugar cercado de uma bela natureza abençoada e preservada por Deus!

Clique aqui e veja as fotos do Acampamento Monte das Oliveiras

Contato para locação:

Sergio
(11) 99997-8560
E-mail: diretoria@acampamontedasoliveiras.com.br

Veja abaixo nosso contrato de locação:

CONTRATO DE LOCAÇÃO – ACAMPAMENTO MONTE DAS OLIVEIRAS

DADOS DO CONTRATO

Imóvel – Acampamento Monte das Oliveiras
Estrada Municipal do Borges, 215 – Embu-Guaçu/SP

Locatário – Acampamento Monte das Oliveiras
CNPJ – 00.619.871/0001-98
Endereço Comercial – Av. Nove de Julho 4805 Jd. Paulista São Paulo SP

As partes, acima qualificadas, ajustam a locação por temporada do imóvel objeto do presente contrato mediante as cláusulas e condições seguintes:

CLÁUSULA PRIMEIRA:
O prazo de locação de temporada será de xx dias a partir das xx horas do dia xx de xxx de 20xx, terminando às xx horas do dia xx de xxx de 20xx, data em que locatário se obriga a restituir o imóvel locado, completamente desocupado;

CLÁUSULA SEGUNDA:
O aluguel da temporada corresponde a xx (xx) diárias de R$ xx,xx/adulto (xx) ou de R$ xx,xx/criança de xx a xx anos (xx reais) e será pago o valor de R$xxx,xx antecipadamente mediante a assinatura do contrato a titulo de reserva do período e o restante até o uso do mesmo;

CLÁUSULA TERCEIRA:
A diária estabelecida é para o número máximo de 190(Cento e noventa) pessoas, não podendo esse limite ser ultrapassado sem prévia comunicação ao locador. O descumprimento de qualquer das cláusulas do presente contrato, ensejará a sua rescisão, perdendo o locatário todas as diárias pagas.

CLÁUSULA QUARTA:
O locatário deixará um deposito de R$ ________________________(_________________________) que poderá ser utilizado pelo locador, para ressarcimento de prejuízos causados pelo locatário do imóvel ou a seus bens. Caso não haja o que abater do depósito, o mesmo será devolvido ao locatário após feita a vistoria no último dia da temporada, quando da desocupação do imóvel;

CLÁUSULA QUINTA:
Ocorrendo danos que extrapolem o valor do depósito, deverá o locatário imediatamente pagar a diferença ao locador;

CLÁUSULA SEXTA:
Não é permitida qualquer alteração ou modificação do imóvel, que deverá devolver ao locador no perfeito estado em foi encontrado;

CLÁUSULA SÉTIMA:
O locatário, assim que ingressar no imóvel receberá uma relação de todos os objetos encontrados no mesmo, e de posse desse inventário, conferirá todos os bens junto com o locador e, estando de acordo o assinará, ficando com uma cópia, responsabilizando-se totalmente por qualquer dano que venha por ventura a causar;

CLÁUSULA OITAVA:
O locatário, desde já, faculta ao locador examinar o imóvel locado, quando este achar necessário, não necessitando o mesmo de avisar previamente o locatário;

CLÁUSULA NONA:
Em caso de desistência da presente locação de temporada pelo locatário, perderá este todas as diárias pagas, devendo ainda quitar débitos existentes oriundos da locação;

CLÁUSULA DÉCIMA:
No último dia da temporada, o locador fará a vistoria no imóvel juntamente com o locatário, representado pela figura do zelador/caseiro, quando deverão ser devolvidas as chaves;

CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA:
O locatário será responsável por qualquer multa que der causa por desrespeito as leis federais, estaduais, municipais, normas das autarquias ou regulamento interno a instalação, se houver;

CLÁUSULA DÉCIMA SEGUNDA:
As partes contratantes exigirão reciprocamente recibos protocolados ou termos de recebimento e entrega, pois todo e qualquer tipo de prova far-se-a por meio de, apenas, de prova documental;

CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA:
Fica expressamente e definitivamente proibido ao locatário, sob pena de rescisão contratual e consequente despejo, manter no imóvel locado qualquer tipo de animal, mesmo doméstico;

CLÁUSULA DÉCIMA QUARTA:
O locatário responderá pelo incêndio do imóvel, se não provar caso fortuito, força maior ou propagação do imóvel, de conformidade com artigo 1.208 e seu parágrafo único do Código Civil. No caso de incêndio do imóvel locado, ficará o presente contrato rescindido de pleno direito, independente de notificação.

CLÁUSULA DÉCIMA QUINTA:
Caso locatário não desocupe o imóvel no dia estipulado no contrato, estará obrigado a pagar as diárias que excederem ao dia fixado a sua saída; todos os outros gastos que se fizerem necessários com relação à acomodação das pessoas que ocupariam o imóvel, mas foram impedidas de fazê-lo devido a sua permanência abusiva no mesmo, e se necessário ainda recorrer ao Poder Judiciário para que assim deixe o imóvel, arcará com o pagamento das despesas e custas judiciais, assim como honorários advocatícios na base de 20 % sob o valor do débito;

CLÁUSULA DÉCIMA SEXTA:
Não cumpridas quaisquer das cláusulas deste contrato, fica autorizado a tomar posse do referido imóvel, independentemente do término deste contrato e de procedimento judicial;

CLÁUSULA DÉCIMA SÉTIMA:
As partes contratantes elege o Foro desta cidade para dirimir quaisquer ações que se originarem do presente contrato, renunciando aos de seus domicílios futuros;

CLÁUSULA DÉCIMA OITAVA:
E por estarem justos e contratados, assim o presente em duas vias de igual teor e forma, que leram e acharam conforme, na presença das testemunhas, também abaixo assinadas.